APRESENTAÇÃO

O JIRAU está armado!

Nesta publicação, a partir de agora, oferecemos semestralmente espaço a poetas, artistas, escritores para exibirem sua arte e seus escritos.

 

Assim como a estrutura na qual buscamos inspiração para o nome da revista, esta plataforma é afim aos diversos usos: palanque, vitrine, alicerce, depósito.

 

A escolha desse uso não é só do poeta, do artista. O Leitor, o Observador, aquele cujos olhos consomem as artes, é sempre o determinante desse uso — muitas vezes um revolucionário, quando, no giro em torno do JIRAU, vê/cria algo novo na obra que ali se afoita.

jirau

jirau s.m. (1587)  1 armação de madeira semelhante a estrado ou palanque, que pode ser usado como cama, depósito de utensílios domésticos, secador de frutas ou, quando posta em cima de um fogão, como fumeiro de carne, toucinho, peixe etc. 2 armação de madeira sobre a qual se constrói uma casa de modo a evitar água e a umidade 3 AGR palanque de madeira armado junto a árvores de tamanho avantajado do qual se serve o lenhador para serrá-las em segmentos 4 ARQ estrado ou pavimento construído a meia altura de um recinto e do qual cobre parcialmente a área.

 

⊙ ETIM tupi yu'ra 'espécie de plataforma’

 

Dicionário Houaiss

the sushi place.png

REVISTA JIRAU POÉTICO

poesia, arte e escritos

Barcos de papel nas nuvens

SUBMETA SUA ARTE!

vt.jpg

EDIÇÕES ANTERIORES

pincelada

NORMAS DE PUBLICAÇÃO

Encomende o primeiro número

Solicite o envio da revista aqui

ENTRE EM CONTATO

João Pessoa, PB, Brasil

Tel: (83) 99943-2700

Suas informações foram enviadas com sucesso!

LOGO TITLE redondo-crop.png